Todos os dias nos primeiros 15 minutos, todas as turmas da escola tem um momento para leitura, onde recebem material diversificado da biblioteca, tendo oportunidade para aprimorar sua linguagem, atualizar-se, descobrir novas informações construindo assim novas redes de conhecimento e informação.

segunda-feira, 19 de junho de 2017

INFORMATIZAÇÃO DA BIBLIOTECA DA ESCOLA!

REALIZAÇÃO DE UM SONHO
É com imensa alegria que anunciamos mais uma etapa em que a EMEF Rui Barbosa  se torna pioneira e trilha ainda mais o caminho para a excelência. Iniciamos 2017 com a ideia de buscar novos caminhos para melhorar ainda mais os espaços da Escola. E esse sonho se tornou realidade com o início do trabalho de informatização do acervo da Biblioteca Mário Quintana, localizada aqui na Escola.

MODERNIZAÇÃO NO ACESSO ÀS INFORMAÇÕES
O projeto consiste na informatização das funções da biblioteca: todo o acervo será colocado em uma base de dados com informações sobre cada exemplar da Biblioteca. Cada estudante e professor terá um cadastro informatizado e poderá, através da internet (smartphones, tablet's, computadores, etc.) obter informações sobre os exemplares disponíveis, datas de devolução, fazer a reserva de materiais e ser informado por email quando um exemplar estiver disponível.
Vale ressaltar que um projeto de informatização desse tipo é algo raro em escolas públicas de nível fundamental, o que mostra o pioneirismo da EMEF Rui Barbosa nesse assunto.

INFORMAÇÕES TÉCNICAS
A Biblioteca da Escola está rodando o software Biblivre 5, elaborado pela Biblioteca Nacional, e utilizado por mais de 3 mil bibliotecas de diversos países. O programa é de distribuição gratuita e atende todas as necessidades de uma biblioteca seja ela escolar, universitária ou pública.
Outra conquista da Escola foi de não utilizar nenhum recurso extra para a realização do projeto. Como servidor foi utilizado um computador do Laboratório de Informática Educativa, adaptado para rodar o sistema operacional livre Xubuntu 16.04, um sistema leve e também de distribuição gratuita.
Assim que o processo de catalogação do acervo estiver concluído, o sistema será aberto para a internet utilizando a conexão já utilizada na Escola. Portanto, será realizado um projeto de grande importância com o gasto mínimo de recursos públicos.

CURIOSOS?
A fase de catalogação dos livros ainda está no começo e sem previsão para o sistema estar em pleno funcionamento. Mas, para saciar um pouco da curiosidade, segue abaixo uma imagem da página inicial do projeto da Biblioteca Mário Quintana da EMEF Rui Barbosa:


sexta-feira, 9 de junho de 2017

TEATRO DOS SETE PECADOS CAPITAIS

Você sabia que o desenho animado Bob Esponja foi inspirado nos Sete pecados capitais?
Foi isso que a turma 81 aprendeu nas aulas de Ensino Religioso e decidiu compartilhar com os colegas da Escola. E fizeram isso através de um teatro apresentado para a turma 11. Confira!














quinta-feira, 8 de junho de 2017

RECREIO DIVERTIDO

As sextas-feiras da EMEF Rui Barbosa são marcadas pelo ritmo envolvente das músicas tocadas pelos jovens talentos da Escola. Nos recreios de sexta-feira das turmas de 6º ao 9º ano, há a oportunidade de quem quer mostrar seu talento musical e alegrar ainda mais o espaço da Escola. Confira as fotos:










BUFFET DE CACHORRO QUENTE!

Não percam!


sexta-feira, 2 de junho de 2017

MOMENTOS ESPECIAIS DO MÊS DE MAIO!

O mês de maio foi bastante movimentado na Escola. Tivemos a Festa da Família, as bancas de qualificação para a Feira de Ciências e a abertura das Olimpíadas Estudantis do município de Campo Bom. Confira os principais destaques:


BANCAS DA FEIRA DE CIÊNCIAS

Maio foi um mês de muito aprendizado através da pesquisa. Empenhados em elaborar seus projetos científicos, as turmas se organizaram para produzir conhecimento utilizando várias técnicas. E para qualificar seus trabalhos, os estudantes apresentaram as pesquisas de suas turmas para um grupo de avaliadores, que orientou sobre os instrumentos da pesquisa, ideias para o prosseguimento e dicas importantes para desenvolverem seus  projetos.
As bancas contaram com as participação de representantes dos professores Mateus, Mogar e Bianca do CEMEA Nestor Weiler e da professora Ângela da SMEC.





























SCRATCH DAY

A Escola também participou do "Scratch Day" através das atividades da professora Cleusa Reuter. Segundo o site oficial o Scratch Day é uma rede global de eventos nos quais as pessoas se reúnem para celebrar o Scratch, a plataforma de programação gratuita. Os eventos do Scratch Day reúnem jovens da comunidade Scratch para que eles compartilhem projetos e aprendam uns com os outros. O projeto desenvolvido pela professora Cleusa tem o foco na produção de jogos de matemática e no dia 17/05 vários estudantes da Escola puderam conhecer um pouco dos jogos desenvolvidos pela equipe da professora.








ABERTURA DA OLIMPÍADA

No dia 30 de maio ocorreu a abertura oficial da Olimpíada Estudantil de Campo Bom. E é claro que a EMEF Rui Barbosa esteve presente para prestigiar o evento!






EDUCAÇÃO FISCAL

Ao longo do mês de maio as turmas de 6º ao 9º ano desenvolveram atividades sobre Educação Fiscal. Trabalharam a questão financeira (impostos) e cultural de nossa sociedade.




A professora Suelén Guterres trabalhou o poema "Autorretrato" de Mário Quintana com o intuito de ressaltar a importância de conhecer primeiro a si mesmo:





Além destes trabalhos, foram feitas atividades envolvendo o cálculo de impostos em produtos do nosso dia-a-dia e mercadorias do interesse dos jovens da Escola.

DIVERSIDADE

Outro projeto desenvolvido na Escola é o da Diversidade, com o objetivo de refletir sobre os diferentes modos de ser e viver.
A professora Camila Vargas Sager usou a dinâmica do "Mistério da caixa vermelha", onde dentro dela havia um espelho e acima os dizeres "Veja só como você é especial". A atividade buscou chamar a atenção sobre a identidade de cada um, ressaltando a importância de se aceitar do jeito que é.










A professora Suzana Herrmann nas aulas de Geografia discutiu com as turmas sobre os diversos estereótipos: de gênero, de etnia, religioso, cultural, etc.  O que ficou foi a mensagem de que precisamos, acima de tudo, respeitar as pessoas do jeito que são. Respeitar significa ter empatia pelo outro, se colocar no lugar dessa pessoa. Também ficou marcada a ideia de que precisamos aprender sobre o outro antes de poder fazer qualquer afirmação.






FÓSSEIS

Outra atividade bacana que aconteceu na Escola foi a desenvolvida pela professora Janine Demenighi que trouxe réplicas de fósseis para ilustrar as aulas de Ciências:





DIA DO DESAFIO!

Como de costume, no dia 31/05 ocorreu o dia do desafio. Segundo a Prefeitura Municipal de Campo Bom o "Dia do Desafio" é uma competição amigável entre cidades para ver qual mobiliza mais pessoas para a prática de atividades físicas, a campanha visa incentivar a pratica regular de exercícios. O evento criado nos anos 80 é coordenado pelo SESC e cerca de 3 mil cidades de mais de 20 países estão inscritas. 
E a EMEF Rui Barbosa participou do desafio chamando seus estudantes para uma partida do jogo "Queimada". Além do exercício físico, a atividade contou com muita diversão!